Mindfulness e seus benefícios

Muito tem se discutido sobre os benefícios da prática de mindfulness, mas afinal, no que ela consiste? Mindfulness ou atenção plena é uma série de técnicas simples e práticas, testadas cientificamente que te possibilitam viver no momento presente e focar seus pensamentos no que realmente importa, resultando assim, em profundo bem estar e qualidade de vida. O objetivo da prática é o retorno da consciência plena, do momento presente, dos seus sentimentos, pensamentos e ações.

Estudos científicos apontam que a prática constante de mindfulness auxiliam no tratamento de indivíduos com diagnósticos de câncer, ansiedade, depressão, cardiopatias, entre outros, bem como em indivíduos considerados saudáveis (profissionais, estudantes, atletas), mas que apresentem níveis elevados de estresse no seu dia-a-dia.

Na prática clínica tem-se utilizado frequentemente esta técnica para o desenvolvimento pessoal no sentido de promover maior empatia, paciência, autogestão das emoções e autonomia, que é de importante para a promoção da saúde, qualidade de vida e empoderamento dos praticantes.

Você pode começar hoje mesmo a viver os benefícios da mindfulness na sua vida, para isso, quero esclarecer que embora a atenção plena seja inata, precisamos desenvolve-lá, seja ela através de técnicas comprovadas, exercícios para se praticar sentado, caminhando, em pé ou através da meditação em movimento.

Merece destaque que a mindfulness não é algo oculto ou esotérico. A princípio pode parecer uma prática não familiar ou complicada, porém ela se baseia em técnicas de relaxamento e respiração simples que você pode colocar no seu dia-a-dia que mudará sua fora de enxergar o mundo e a si mesmo.

Por fim, destacarei três técnicas simples para você colocar em prática ainda hoje:

  • Meditação

Comece com 5 minutos diários e à medida que for evoluindo, vai conseguir fazer no próprio trabalho ou andando pela rua, por exemplo. Com a meditação, você consegue se preparar melhor para uma reunião, para o dia que está começando, etc. Existem inúmeros aplicativos assim como vídeos com meditações guiadas.

  • Técnicas de respiração

As técnicas de respiração podem ser usadas para momentos de ansiedade, estresse e perda de foco. Elas te ajudam ficar calmo e centrado e com treino, você consegue fazer em qualquer lugar e já no modo automático quando estiver diante de alguma situação de estresse. Tente ir para um lugar tranquilo, fique numa posição confortável, coloque suas mãos na altura do diafragma e inspire todo o ar pelas narinas até sentir seus pulmões cheios de ar, de forma lenta, expire todo o ar pelas narinas ates sentir sem ar. Repita esse exercício até conseguir sentir-se mais calmo.

  • Sinta verdadeiramente você mesmo

Quando estiver fazendo algo, tente focar ao máximo somente naquilo. E se sua mente divagar, (o que é normal), traga ela de volta.

Por exemplo, ao fazer uma refeição, se concentre somente naquilo: sinta o gosto da comida, saboreie, se perceba mastigando, sinta seu corpo. Ao pensar em algo, sinta suas emoções, sinta o porquê de estar daquele jeito, o porquê de sentir aquilo.

Permita-se sentir suas emoções. Você não precisa lutar contra elas e sim entender porque você se sente assim. Com o tempo e a prática, vai ficando bem mais claro.

Não há nada de errado e é normal se distrair, o problema é quando você deixa esse estado interferir na sua vida e isso começa a te causar prejuízos. O importante é notar que isso está ocorrendo e voltar o seu foco ao que realmente é importante no presente.

Fontes: https://escolaconquer.com.br/mindfulness-o-que-e-quais-os-beneficios-e-como-praticar/

https://www.vittude.com/blog/mindfulness-atencao-plena/

Colunista:

Camila Andrade

Psicóloga

“Existe mais na superfície do que nosso olhar alcança.” – Aaron Beck

*Ao reproduzir este conteúdo, não se esqueça de citar as fontes.


Caso tenha alguma dúvida sobre o assunto, nos envie suas dúvidas clicando aqui.